en
en


Ao subscrever à nossa Newsletter, concorda com nossos Termos e Condições.
A hierarquia de informação numa apresentação

Nota: Este conteúdo foi escrito antes da BrainStory, marca que evoluiu da Slide Lab.

 

Todos os bons materiais de comunicação têm uma hierarquia de informação. Já se perguntou porquê?

A hierarquia de informação permite ao público-alvo, espetador ou leitor conseguir perceber em que se deve focar primeiro e qual a ordem de importância da informação e conteúdo que lhe é apresentado.

Seja num anúncio de jornal, numa notícia ou num programa de televisão é sempre necessário recorrer a uma hierarquia de informação para que a mensagem principal consiga ficar na mente das pessoas a quem se deseja chegar.

Numa apresentação a hierarquia de informação assume um papel muito importante também, seja a apresentação apenas para ser enviada por email, ou seja esta para ser apresentada ao vivo a uma audiência.

A hierarquia de informação numa apresentação pode e deve ser trabalhada em várias frentes como:

Na Tipografia – devemos usar um tipo de letra maior e mais imponente para os títulos, médio para os subtítulos e de tamanho mais reduzido para o texto corrido (sendo que é sempre bom sublinhar ou deixar a bold mensagens e expressões chave, especialmente quando as manchas de texto são maiores).

Nos Elementos gráficos – Podemos e devemos usar caixas, bolas ou outros elementos visuais para destacar informações importantes ou elementos chave de uma apresentação. Desta forma estaremos a dar mais importância aos conteúdos que estiverem dentro desses elementos gráficos, tornando-os mais memoráveis.

Nas Imagens, Fotos ou Ilustrações – Nas próprias imagens, fotos ou ilustrações que usamos nas apresentações devemos ter me atenção a forma como estas são apresentadas pois o ângulo que escolhemos, o alinhamento, as cores comunicam ao públio-alvo mensagem e prioridades diferentes. Veja no infográfico abaixo os exemplos que lhe apresentamos:

Gostou deste blog post?
Subscreva a newsletter mensal e receba os nossos conteúdos no seu email.
anterior
A importância dos vídeos no mundo corporativo
seguinte
Tendências de design para 2019